Blog sobre futebol, voltado para as mulheres

Posts marcados ‘Cruzeiro’

Análise dos clubes da série A em 2010. [parte 1]

O Brasileirão 2010 chegou ao fim e teve o Fluminense como grande campeão. A última rodada foi disputada até os últimos minutos com Corinthians e Cruzeiro também brigando pelo título que acabou ficando mesmo com o tricolor carioca.

Nós do futesalto faremos uma breve analise do desempenho de cada clube da série A no ano de 2010.

Foi o primeiro ano do clube na elite do futebol brasileiro e como já era de se esperar, brigou até a última rodada para não voltar para a segunda divisão. Teve um bom desempenho na Copa do Brasil, eliminando o Palmeiras nas quartas-de-final, porém foi eliminado na semi-final pelo Vitória. Conseguiu a permanência para a série A do ano que vem terminando o campeonato em 16º lugar.

Foi o campeão de Minas e ao que tudo indicava entraria na briga pelo título do campeonato Brasileiro. Contratou bons jogadores como Diego Souza e Rever, além de um grande técnico, Vanderlei Luxemburgo, porém, nem tudo saiu como o esperado, o grande investimento não teve resultados. O Galo conseguiu se livrar da degola apenas na penúltima rodada, batendo o Góias por 3×1. Terminou o campeonato em 13º lugar.

Sem grandes estrelas e sem muita pretensão para o ano que termina, o Atlético PR fez um bom campeonato brasileiro e em momentos da competição chegou a sonhar com a tão cobiçada vaga para a Taça Libertadores da América, porém, o time Paranaense não teve forças para conseguir seu objetivo e terminou na 5ª colocação no campeonato.

O campeão Catarinense de 2010 começou bem a série A deste ano e deu trabalho para os grandes times do Brasil, porém, não conseguiu manter o pique até o fim da competição e brigou para não cair, além de ter chego nas quartas-de-finais da Taça Sulamericana, onde perdeu a vaga em casa para o Góias. Terminou o campeonato em 15º.

O clube carioca conseguiu ser campeão do Rio de Janeiro após três vice-campeonatos seguidos para o Flamengo. Contratou grandes nomes para o elenco como “Loco Abreu” e brigou até a última rodada por uma vaga na Libertadores, sem sucesso. Terminou o campeonato em 6º lugar.

Foi à sensação do campeonato brasileiro no seu inicio, ficou entre as primeiras colocações até a parada da Copa do Mundo, no seu retorno o time ficou irreconhecível, comparado ao futebol apresentando anteriormente. Terminou o campeonato em uma melancólica 12ª colocação.

Grandes investimentos para o ano do centenário, grandes ídolos do futebol Mundial como Ronaldo e Roberto Carlos, um bom time, participando do torneio mais cobiçado da América e pelos Corintianos, o maior patrocínio do Brasil e no fim… Disputará a repescagem por uma vaga na Taça Libertadores de 2011 terminando o Campeonato Brasileiro em 3º lugar. Definitivamente, o centenário para ser esquecido pela Fiel torcida.

Não conseguiu chegar na final do Campeonato Mineiro e foi eliminado nas quartas-de-final pelo São Paulo na Taça Libertadores da América. Com isso tudo o Cruzeiro começou muito mau o Brasileirão deste ano, porém, com uma grande recuperação, chegou a brigar pelo título e conseguiu ‘abocanhar’ uma vaga para o torneio Continental do ano que vem, terminando o Campeonato em 2º lugar.

Começou o ano com moral, afinal foi o Campeão Brasileiro de 2009. Chegou até a final do Campeonato Carioca, sendo batido pelo Botafogo, eliminado nas quartas-de-final da Libertadores e brigando para não cair no Campeonato Brasileiro. O Flamengo conseguiu ser o time de pior campanha no campeonato, tendo faturado o caneco do ano anterior. Ano para ser esquecido pelo time da Gávea. Terminou o Brasileiro em 14º lugar.

Continua.

@dalessia_

Campeonato Brasileiro, a cada rodada mais emocionante

Havia quem dizia que o formato sem mata-a-mata do brasileirão fosse tirar a emoção do campeonato, e de inicio foi o que pareceu, quando o Cruzeiro foi campeão com 13 pontos de vantagem.

Mas esse formato forçava os dirigentes brasileiros a fazerem algo que poucos times brasileiros já pensavam ( e um grupo ainda menor faziam ), que era pensar a longo prazo.

A edição de 2004 foi muito diferente do ano anterior, com a equipe santista vencendo com 3 pontos de vantagem sobre o segundo colocado, que nesta edição foi o Atlético-PR.

O campeonato do ano passado e o deste ano provaram que os times brasileiros conseguiram mudar a sua maneira de administrar, pensar e jogar o futebol. Times grandes, assim como, times de menor expressão procuram investir, dentro de suas possibilidades, o máximo em jogadores e infra-estrutura. E quem ganha com isso são os torcedores, que com isso além de poderem ver jogos muito mais emocionates, ganham com melhores acomodações (algo que efetivamente começará com a Copa do mundo de 2014).

Restando apenas 2 partidas para o final do campeonato ainda não há definição de quem será o campeão, torcedores pedindo aos seus times do coração que entreguem os confrontos contra os concorrentes direto ao título, somente para não favorecer seus adversários, em contrapartida os atletas ressaltam seu lado profissional.

Bem a única coisa que podemos esperar desta edição do campeonato brasileiro é emoção até o último jogo, seja pela briga na ponta ou no final da tabela.

Favorecimento? [2]

Está em questão a mesma pergunta feita no dia 10/11/2010 aqui no blog, porém vou TENTAR ser imparcial, expor apenas os fatos e deixar para que os leitores tirem suas conclusões.

Como todos sabemos, o Campeonato Brasileiro de 2010 vem chegando ao fim e na disputa pelo título estão apenas três equipes (ou duas, depois do jogo de ontem). Outra coisa que todos sabemos é que o futebol brasileiro sempre foi e sempre será recheado de emoções, polemicas, erros de arbitragem etc.

Ontem no Pacaembu, tivemos uma ‘final’ antecipada entre Corinthians x Cruzeiro, até então os dois entre os três times aspirantes ao titulo brasileiro.

Como poderiamos esperar, o jogo foi acirrado entre as duas equipes do começo ao fim, ambas com oportunidades de gol o jogo inteiro, porém, ninguem conseguia de fato balançar as redes do adversário. Até que aos 42 minutos do segundo tempo, o Sr. Arbitro do partida, Sandro Meira Ricci, vê penalti do zagueiro Gil em Ronaldo e além disso expulsa o defensor Celeste. O mesmo atacante vai para cobrança, converte e da numeros finais ao jogo (1×0).

Abaixo, os melhores momentos da partida e o penalti polêmico:

Com essa vitória, o Corinthians assume provisoriamente a liderança da competição e torce para um tropeço do Fluminense perante ao Goias às 17h no Engenhão.

Bom, agora fica a pergunta: realmente foi penalti? O Corinthians vem sendo perseguido como postado aqui no blog dias atrás?

Deixe sua opinião, pois, agora eu vou deixar de ser imparcial e dar a minha. Sei que nos do blog não podemos ser “clubistas”, deixar a emoção nos levar e falar o que pensamos, porém, estou abrindo uma exceção.

NÃO FOI PENALTI.

É só ter um pouco de percepção e ver que o zagueiro, quando a bola viaja, só repara nela, o atacante de costas não vê também o zagueiro e há um contato NATURAL entre os dois. Jogada normal e segue o jogo, coisa que não aconteceu.

Vou deixar um site, para aqueles que forem curiosos, até mesmo os corintianos, que acessem e vejam que ao que tudo indica, o brasileiro deste ano está no mesmo caminho do de 2005 e coincidencia ou não, com o título possivelmente indo para o mesmo time.

http://www.verdazzo.com.br/dossiegamba2010/

Eu sei que muitos vão falar “mas esse site é feito por torcedores do Palmeiras”. O que não é mentira, assim como os FATOS demonstrados, também não são.

Outra coisa, reparem que na primeira rodada, contra o Atlético-PR, o Corinthians teve um “penalti” muito parecido, ou até pior do que no jogo de ontem.

Opiniões? Criticas? Sugestões? Fiquem a vontade.

@dalessia_

Ronaldo maior artilheiro das Copas

O assunto no mundo do futebol esse ano foi Copa do Mundo. O Brasil não teve sucesso na edição de 2010, mais ainda é a Seleção com mais títulos, alem disso o maior artilheiro também nos pertence.

Então a História de Artilheiro hoje será sobre ele: Ronaldo Luís Nazário de Lima.

Hoje jogando pelo Corinthians é conhecido apenas como Ronaldo, mais já foi chamado de Ronaldo Fenômeno e também Ronaldinho, o ultimo surgiu na Copa de 1994, e o apelido de Fenômeno veio durante sua temporada no Barcelona.

Já tivemos um post sobre o Jogador, mais hoje vamos falar sobre o seu maior feito: Jogador que mais marcou em Copas do Mundo.

Com 16 anos estréio no Campeonato Brasileiro, jogando pelo Cruzeiro, isso em 1993, na competição atuou em 14 jogos e fez 12 gols.

Pela Recopa Sul-Americana teve sua primeira grande derrota, o Cruzeiro enfrentava o São Paulo pela final do torneio a disputa foi para os pênaltis e o grande goleiro Zetti defendeu a cobrança do jovem jogador garantindo assim o titulo para o Tricolor do Morumbi.

Em 94, foi artilheiro do Campeonato Mineiro com 21 gols e antes da Copa do Mundo deixou o time, em uma transação de US$ 6 milhões.

Em 1994 foi convocado para a Seleção Brasileira deixando para trás o experiente Evair, não agradou muito o treinador daquela época “Parreira” e foi deixado de lado.

Em 1997 jogou a Copa América e o Brasil foi campeão, marcou 5 gols, depois ajudou o Brasil na conquista da Copa das Confederações, logo então passou a ser o destaque para a Próxima copa do mundo a da França que ocorreria em 1998.

Obvio naquela época foi convocado e os brasileiros depositaram toda sua esperança da conquista do Mundial nos pés de um único jogador: Ronaldo já que  vinha com dois títulos de melhor jogador do mundo na bagagem.

Já atuando pela copa em 7 partidas disputadas marcou 4 vezes: 1 no jogo Brasil e Marrocos (3X0), 2 no jogo Brasil e Chile e 1 no jogo Brasil e Holanda que foi para os pênaltis. Ronaldo conseguiu junto com os demais companheiros levar o Brasil para a grande final e o que todos os brasileiros queriam era a conquista do titulo. Porem horas antes da grande partida Ronaldo teve uma misteriosa convulsão, fora levado ao hospital apenas 75 minutos da partida. Zagallo decidiu então escalar Edmundo, mas 40 minutos antes da partida Ronaldo voltou dizendo que tinha condições de jogo. Na partida mais importante que jogara em sua vida Ronaldo apenas viu os Franceses levarem o titulo pela 1ª vez com um placar de 3X0.

Em 2000 sofreu a lesão que todos nos brasileiros conhecemos bem a história.

Já em 2002 voltou para a seleção e sendo convocado pelo então técnico da seleção Luiz Felipe Scolari, (Felipão). O Brasil fez a seguinte campanha: 2 a 1 com a Turquia, 4 a 0 com a China, 5 a 2 com a Costa. Ronaldo Rica, 2 a 0 frente à Bélgica, 2 a 1 sobre a Inglaterra, e 1 a 0 frente à Turquia. Na final, o Brasil ganhou por 2 a 0 da Alemanha. O Brasil chegou ao Penta, inédito, e igualou a Alemanha em número de finais consecutivas, 3. A final foi entre Brasil e Alemanha. Com 2 gols de Ronaldo, um na falha do goleiro Kahn. Ronaldo disputou 7 partidas e foi o artilheiro com 8 gols.

Em 2006 ele já não estava em grande forma, e disputou 5 partidas, Na Copa, o país apresentou um futebol decepcionante. Ronaldo demonstrou lampejos de craque, marcando três vezes. O terceiro deles, que o fez ultrapassar o alemão Gerd Müller tornar-se, com a soma de 15 gols, o maior artilheiro das Copas do Mundo, o jogador surgiu em bela jogada individual em que driblou o goleiro de Gana. Bom prefiro não comentar o final do Brasil nessa copa, pois a tão famosa revanche contra a Franca não veio e Ronaldo ainda levou um chapéu de Zidane que na ocasião era companheiro de time do jogador no Real Madrid. O Fenômeno foi um dos crucificados pela interrupção do sonhado hexa, não sendo mais chamado pela Seleção desde então.

O alemão Miroslav Klose marcou 14 vezes em copas do mundo e por pouco não ultrapassou o Brasileiro com 32 anos, Klose dificilmente continuará na seleção alemã para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Em minha opinião o jogador que pode alcançar Ronaldo é David Villa, já marcou 3 gols em 2006 e 5 neste no mundial de 2010, como o jogador vai completar 29 anos tenho certeza que disputara o próximo mundial.

Não vem ao caso falar da atual forma física do jogador esse post é para lembrar a historio de um jogador que ajudou muito a Seleção Brasileira, independente de vitórias e títulos Ronaldo sempre será lembrado pelos grandes feitos na seleção. E o que todos os brasileiros querem saber é: será que algum jogador nacional irá ultrapassar Ronaldo?

Deixe seu comentário! Dúvidas, críticas ou sugestões enviem  para o email: futesalto@gmail.com ou mande um twit para @futesalto

@karoldayane

Derby Paulista morno no estádio do Pacaembu.

Ontem tivemos no estádio do Pacaembu o clássico paulista entre Corinthians x Palmeiras e nós do Fute Salto não poderiamos deixar de comentar o jogo. Além de toda a rivalidade histórica presente na partida de ontem, os dois times passam por situações diferentes no campeonato. O Timão vinha há sete jogos sem vitória e com novo treinador, Tite. Enquanto o Verdão não perdia há nove jogos.

O Corinthians ainda brigando pelo título entrou em campo com uma proposta mais ofensiva, enquanto o Palmeiras de

Bruno César vibra com o seu gol contra o Palmeiras.

Felipão, entrou para jogar no contra-ataque. O time do Parque São Jorge controlou a primeira metade do primeiro tempo, até que aos 22 minutos após forte chute de fora da área de Bruno César (artilheiro do Corinthians no Brasileiro) e desvio em Marco Assunção, o placar estava aberto. Após o gol, o Corinthians recuou muito, onde deu oportunidade para o Palmeiras pressionar, porém o Alviverde não conseguiu transformar sua posse de bola em gol.

No inicio da segunda etapa, Felipão colou Valdivia no lugar de Lincoln e o Palmeiras voltou a pressionar o time da casa, ainda sim, sem eficiência. O Verdão levava mais perigo ao gol de Julio César nas faltas cobradas por Marcos Assunção. Faltando 10 minutos para terminar o jogo o Corinthians conseguiu enfim controlar a situação e o placar não sofreu alterações.

Ronaldo e Kleber, esperança de gols para as duas equipes, pouco brilharam.

O clássico teve um ótimo publico com 32.391 espectadores.

Com esse resultado o Timão volta a brigar pelo título do Brasileirão ocupando a terceira posição, já o Palmeiras se vê mais distante do G4 e prioriza a Taça Sulamericana, caminho mais fácil para chegar na Libertadores 2011.

Na próxima rodada o Corinthians viaja até o Rio de Janeiro para encarar o Flamengo, que vem de empate por 1×1 contra o Vasco. Já o Verdão encara o embalado Atlético MG, que vem de uma bela vitória por 4×3 sobre  o Cruzeiro. O confronto entre os times de São Paulo e Minas é valido pela competição Continental.

@dalessia_

Campeonato Brasileiro e os Pontos Corridos

O assunto do momento é Campeonato Brasileiro! Então meninas vamos entender um pouco do assunto para não falar bobagem na hora que começarem a discutir sobre futebol na nossa frente. O campeonato esta chegando ao seu final e logo conheceremos o campeão de 2010. Nunca devemos perguntar, quais são os finalistas?Pois desde 2003 a principal competição nacional é disputada por pontos corridos.

Mais como funciona esse negocio de pontos corridos? A competição tem 2 turnos com19 jogos de ida e 19 de volta, totalizando 38 rodadas. A equipe que fizer mais pontos ao longo da competição se consagra campeã, sem eliminatórias e até mesmo final.

Eu particularmente gosto desse formato, pois o campeão nacional deve ser definido através do método mais justo e que conceda o título ao time de melhor campanha no decorrer do campeonato, nada daquela historia de nadar e morrer na praia, pois o que consagra um time campeão é sua regularidade e o seu planejamento, fatores decisivos no campeonato. As desvantagens desse formato é que às vezes conhecemos o campeão com 3 ou mais rodadas de antecedência, mais ainda temos a emoção de ver cinco ou seis clubes disputando uma vaga na Libertadores e as disputas para sair da zona de rebaixamento.

O Primeiro time a vencer o campeonato desde que o Brasileirão adotou o esquema pontos corridos foi o Cruzeiro em 2003 e o que mais venceu a competição foi o São Paulo com 3 vitórias consecutivas 2006, 2007, 2008.

Para as pessoas que gostam da emoção de quartas de final, semifinais e finais, ainda temos o “mata-mata” em vigor na Copa do Brasil, Estaduais, Libertadores da América e na Copa Sul-Americana, além de ainda ser usado em alguns campeonatos na Europa, como a Liga dos Campeões.

Veja abaixo a tabela atualizada desde 2003

Campeonato Brasileiro – SÉRIE A

Ano

Campeão

Vice

Final

2010

2009

Flamengo

Internacional

2008

São Paulo

Grêmio

2007

São Paulo

Santos

2006

São Paulo

Internacional

2005

Corinthians

Internacional

2004

Santos

Atlético Paranaense

2003

Cruzeiro

Santos

A mesma história na mesma década?

Hoje em dia até o torcedor mais fanático do Atlético Mineiro se pergunta se esse time de 2010 ainda tem jeito.

Na última quinta-feira (23/09), o Atlético perdeu vergonhosamente para o Fluminense no rio por 5×1. Em 24 rodadas, o Galo soma 15 derrotas e 45 gols sofridos, sendo assim o time que mais perdeu e tendo a pior defesa da competição. Tem o aproveitamento de apenas 29,2% dos pontos disputados e ocupa a 18º colocação no Nacional.

Torcedor do Galo no rebaixamento em 2005.

Em quem colocar a culpa por esse momento? Jogadores? Diretoria? Comissão técnica? O fato é que a corda já estourou para o ex-comandante do time, logo após a derrota e ainda no vestiário, o presidente Kalil demitiu Vanderley Luxemburgo de forma justa, afinal, pagar em torno de R$600mil para um técnico, contratar a maioria dos jogadores que ele pede e brigar pra não cair é inadmissivel, no minimo o time deveria estar brigando por uma vaga na Taça Libertadores da América de 2011.

Jogadores como Réver e Diego Souza que foram contratados a peso de ouro e como ‘medalhões’, também não vem rendendo o esperado. Além de ainda, ter muitos ‘refugos’, tais como: Fabio Costa, Leandro, Ricardinho, Daniel Carvalho e Obina. O time precisa de renovação.

O pior de tudo e quem paga o pato por isso é a torcida, que vê o clube nessa situação, cobra e não há mudança. Vê o principal rival (Cruzeiro) brigar pelo título enquanto o seu briga para não cair. Vai ao estádio e só passa vexame.

Recentemente, em 2005, o Galo já amargou uma queda para a segunda divisão e infelizmente ao que tudo indica, está no caminho para ir de novo.

O torcedor não merece isso, até pela grandeza do clube, que foi o primeiro campeão Brasileiro em 1971 e teve ídolos como Reinaldo, Dadá Maravilha e Telê Santana.

A pergunta que fica é: com 14 rodadas para o fim do campeonato, ainda da tempo de mudar e se manter na elite do futebol Brasileiro?

Sugestões e/ou críticas envie para o nosso email futesalto@gmail.com ou se preferir mande-nos um twit @Futesalto

Nuvem de tags