Blog sobre futebol, voltado para as mulheres

Posts marcados ‘árbitro’

Os Tricampeões da Copa de 70 e Ronaldo serão homenageados no Prêmio Craque Brasileirão 2010

Esta premiação tem objetivo de premiar jogadores que se destacam nas competições nacionais e homenagear os grandes jogadores que fazem e fizeram alegria do povo brasileiro nos gramados.

Nesta edição a bola da vez será os craques tricampeões do mundo na Copa de 70 em comemoração aos 40 anos do título.

Infelizmente um dos jogadores principais do time vencedor no México o Pelé não estará presente na homenagem, sua agenda esta cheia para a data da premiação, que ocorrerá no dia 6 de dezembro no Teatro Municipal do Rio de Janeiro.

Já o nosso querido Ronaldo não será esquecido do Prêmio Craque do Brasileirão, apesar de toda a dificuldade para retornar ao campo o craque será o grande homenageado da noite. Para saber mais sobre a história do craque, leia o post https://futesalto.wordpress.com/2010/11/02/ronaldo-maior-artilheiro-das-copas/ 

Teve algumas mudanças este ano em relação a escolha dos vencedores, desta vez acontecerá duas apurações. No dia 17  jornalistas, técnicos e jogadores, devem apontar três indicados em cada categoria de melhor jogador, técnico, árbitro, craque do campeonato e revelação. A partir de então nos dias 26 de novembro e 3 de dezembro, a cargo de um colégio eleitoral restrito será eleito os vencedores.

Quem será os indicados e vencedores ? Neste ano tivemos bons profissionais em campo acho que vai ser dificil escolher.

Comentem @futesalto

Gre-Nal: comemoração do árbitro?

Neste domingo, 24/10/2010, tivemos um dos jogos mais polêmicos desta rodada do Brasileirão: Grêmio x Internacional, que terminou no empate de 2×2.

O Grêmio estava vencendo o jogo por 1 a 0 quando foi marcado um pênalti a favor do Internacional, quando o jogador Fábio Rochemback impediu um gol com as mãos, onde, além de pênalti, o jogador e capitão do Grêmio também foi expulso. No exato momento em que o pênalti foi marcado, o quinto árbitro do jogo, Alexandre Kleiniche foi filmado em uma cena comprometedora, aonde ele aparece como se tivesse “comemorando” o pênalti marcado pelo árbitro Carlos Eugênio Simon.

O árbitro nega o acontecimento, dizendo que estava querendo somente passar a informação de mão na bola para o árbitro Carlos, sendo uma reação instantânea. Porém, Carlos diz que Alexandre realmente vibrou com a marcação do pênalti.

Os gremistas se revoltaram com isso e o caso teve repercussões na internet na segunda-feira, em sites como o twitter, onde o vídeo foi divulgado.

O pênalti foi corretamente marcado, mas o comportamento do outro árbitro foi correto? Ou ele realmente estava sinalizando que havia ocorrido o pênalti?

Deixe sua opinião 😉

@dai_reginato

As 17 regras/leis do futebol – parte 1

No mundo do futebol, existem 17 regras que prevalecem em todos os jogos oficiais. Algumas nos deixam na dúvida sobre o que realmente significam e quando elas são aplicadas, como o impedimento. Vou tentar explicar elas, de modo fácil, simplificado e não cansativo ( ou seja, chato).

As 17 leis do futebol são:

Lei 1: Campo de jogo
Lei 2: Bola
Lei 3: O número de jogadores
Lei 4: O equipamento dos jogadores
Lei 5: O árbitro
Lei 6: Os árbitros assistentes
Lei 7: Duração da partida
Lei 8: O início e o reinício do jogo
Lei 9: A bola em jogo e fora de jogo
Lei 10: O gol
Lei 11: Impedimento
Lei 12: Faltas e conduta irregular
Lei 13: Tiro livre
Lei 14: O pênalti
Lei 15: O arremesso lateral
Lei 16: Tiro de meta
Lei 17: O Chute de Canto (escanteio)

Lei 1: Campo de jogo
Regras básicas sobre como o campo de futebol deve ser, tamanho, as linhas demarcadas, balizas (o gol) e bandeirola.

Lei 2: Bola

É, ela também entra nas regras. Ela deve ser de couro ou outro material aprovado, com peso não superior a 450 g e não inferior a 410 g, e a pressão dela deve ser equivalente a 0,6 – 1,1 atmosfera ao nível do mar.

Lei 3: O número de jogadores

O básico, 2 times com 11 jogadores no máximo e no mínimo 7, contando com o goleiro. O máximo de substituições permitidos em um jogo oficial são de 3 jogadores, exceto o goleiro. O jogador substituto só pode entrar em campo, quando o substituído já tiver saído.

Lei 4: O equipamento dos jogadores

Os jogadores devem usar o uniforme completo, que consiste em:

-Camisa de mangas curtas ou compridas
-Calções
-Meias Compridas
-Caneleiras (material adequado)
-Chuteiras

E as camisas das equipes não podem ser de cores parecidas, por isso todo time tem mais de um uniforme oficial e o uniforme dos goleiros deve ser de uma cor diferente do seu time, para não confundir os jogadores.

A arbitragem deve usar um uniforme de cor diferente também, para que aconteça confusão entre eles e os times.

Lei 5: O árbitro

O juiz da partida, que tem autoridade total no jogo. Ele controla a partida junto com mais dois árbitros assistentes (conhecidos como bandeirinhas). Suas decisões são definitivas e somente ele pode mudá-las.

Lei 6: Os árbitros assistentes
Os bandeirinhas, eles dão apoio ao juiz, e são responsáveis por indicar:

-a que time pertence a bola quando ela sai do campo

-substituição dos jogadores

-infrações ou acidentes fora do campo de visão do árbitro

-se o goleiro se adiantar na penalidade máxima (pênalti)

-o impedimento

Ainda existe mais um quarto árbitro, que é o árbitro reserva, substituto imediato de algum dos árbitros, se este não tiver condições de continuar.

Leis 7: Duração da partida
Cada partida deve durar 90 minutos, que são divididos em 2 tempos de 45 minutos que podem ter acréscimos. O intervalo pode durar no máximo 15 minutos.

Essa foi a primeira parte sobre as 17 leis do futebol, segunda-feira tem mais.

Criticas, comentários ou sugestões: @futesalto

@dai_reginato

Nuvem de tags